EVENTOS

MTur participa de Encontro de Turismo Náutico de Lazer e Esportes de Niterói (RJ)

Iniciativa reuniu especialistas, pesquisadores e representantes em prol da solução de desafios e da apresentação de benefícios do segmento

OMinistério do Turismo participou nesta sexta-feira (10.09) do 1º Encontro de Turismo Náutico de Lazer e Esportes de Niterói (RJ). Promovido virtualmente pela Universidade Federal Fluminense (UFF), o evento tem como objetivo apresentar os desafios e benefícios relacionados ao segmento e lançar o Mapa de Atividades Náuticas da cidade. Além da Pasta federal, o encontro reuniu especialistas do setor, pesquisadores e representantes de atividades náuticas e esportivas.

“O estado do Rio de Janeiro tem um potencial gigantesco para o turismo náutico, e iniciativas como essas são muito importantes, visto a necessidade de desenvolvimento deste segmento. Temos trabalhado em todos os âmbitos, seja em informativos ou em grupos técnicos de trabalho, para aprimorar legislações e o mercado em si e promover este segmento tão relevante para o nosso país”, ressalta o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.

Representando o Ministério do Turismo, a coordenadora-geral de Turismo Responsável, Rafaela Lehmann, apresentou algumas das ações realizadas pelo órgão no sentido de garantir a sustentabilidade e o desenvolvimento do turismo responsável no ambiente aquático. Entre as iniciativas destacadas estavam o “Projeto Orla”, o “GT de Turismo pelas Águas”, o Boletim de Inteligência sobre o Turismo Náutico e o Portal de Investimentos, este último lançado em junho deste ano e que busca facilitar a atração de investimentos no país.

Em sua fala, Lehmann destacou a importância da participação de todos na construção de um turismo náutico sustentável e responsável. “Coloco o Ministério do Turismo à disposição para tratar sobre esse tema e para entender melhor a realidade do turismo. Sabemos que existem muitos entraves e precisamos trabalhar isso para garantir o aproveitamento deste potencial no Brasil”, disse a coordenadora-geral.

Em outro momento, Rafaela Lehmann foi questionada sobre a possibilidade de parcerias com a Rio Boat Trip e a Liga Marítima do Brasil em cursos de qualificação sobre o assunto. “Nós temos um Departamento de Qualificação que oferta uma série de cursos e que poderá agregar este conteúdo disponibilizado pelas entidades náuticas. Precisamos qualificar nossos profissionais em diversas frentes, até para sabermos a melhor forma de atingir este público”, pontuou.

TURISMO NÁUTICO – Com cerca de 8.500 quilômetros de litoral, 35 mil quilômetros de rios e canais navegáveis e mais 9.260 quilômetros de margens de reservatórios de água doce, lagos e lagoas, o Brasil apresenta um dos maiores potenciais de desenvolvimento do turismo náutico no mundo. Para se ter uma ideia, a última temporada de cruzeiros marítimos no país contou com oito navios no litoral brasileiro, um a mais do que na temporada anterior. Os impactos na economia e na geração de empregos beneficiaram destinos turísticos e empresas de atividades características do setor de turismo e de outros ramos, movimentando R$ 2,241 bilhões.

No turismo náutico, podem ser utilizadas embarcações de pequeno, médio e grande porte. As atividades englobam cruzeiros fluviais e marítimos, pesca esportiva, observação da natureza, competições esportivas aquáticas e banhos em praias de água doce e salgada, entre outras.

Por Victor Maciel

Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo

Mais Lidas

VOENEWS - Notícias do Turismo Escritório de Negócios QNN 7 Conjunto "L" - Lote 47 - Loja 01- CEP: 72225-080 Telefone: (61) - 3202-8600 - Celulares: (61) 98117-4456 E-mail: contato@voenews.com.br

SOBRE O VOENEWS

VOENEWS – Notícias do  Turismo é de responsaabilidade da empresa: MP&F Assessoria e Consultoria em Turismo e Marketing, inscrito no CNPJ: 24.060.077/0001-15

Copyright © 2011 - VOENEWS - Notícias do Turismo

para o Topo