_Destaque

MTur e Marinha tratam de parcerias em turismo no Brasil

Afundamento de embarcações para a prática de mergulho, destinação de terrenos a atividades do setor e turismo náutico foram abordados no encontro

ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, e o comandante da Marinha do Brasil, almirante Almir Garnier Santos, se reuniram nesta terça-feira (11.05), em Brasília, para tratar de parcerias voltadas ao setor turístico no país. O senador Flávio Bolsonaro, vice-presidente da Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) do Senado Federal, também participou do encontro, que abordou temas como turismo náutico, afundamento de embarcações para a prática de mergulho e a inclusão de terrenos da Marinha no Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) do Governo Federal para atividades turísticas.

Machado Neto destacou a importância do trabalho conjunto entre MTur e Marinha para o fortalecimento do turismo no Brasil. Sobre o afundamento de navios, o ministro reafirmou que a medida é importante para criar recifes artificiais, favorecendo o mergulho contemplativo e outras atividades turísticas. “O Brasil é o melhor país do mundo para esse tipo de ação e para atrair turistas de todo o mundo. Não tenho dúvidas de que o fortalecimento desse segmento vai trazer desenvolvimento para pousadas, hotéis, resorts e o turismo em geral”, disse.

Outro tema do encontro foi a superação de gargalos técnicos e burocráticos, como em portos e no tráfego marinho, por exemplo, de forma que o Brasil possa ter cruzeiros marítimos permanentes durante todo o ano. Ainda na reunião, Machado Neto e o almirante Garnier debateram a destinação para o turismo, por meio do PPI, de terrenos e propriedades da Marinha com grande capacidade de atrair investimentos e visitantes ao país. “Somos a bola da vez para o mundo. No pós-pandemia, os segmentos de natureza e náutico serão os mais buscados por turistas, e o Brasil é o melhor lugar para isso”, destacou o ministro.

O comandante da Marinha se colocou à disposição do Ministério do Turismo para somar esforços e trabalhar pelo desenvolvimento do setor no país. Para Almir Garnier, o fomento a essas iniciativas são importantes pautas positivas. “Queremos estimular tudo o que reflita em melhoria para a economia e o turismo do país”, declarou o almirante.

O senador Flávio Bolsonaro, por sua vez, ressaltou que a CDR pode contribuir com a Marinha e o MTur para trabalhar ações que fortaleçam o turismo e, consequentemente, gerem emprego e renda à população. “Essas medidas são fundamentais para seguirmos tratando o turismo do Brasil como protagonista e, assim, ajudar toda a cadeia que vive dessa atividade tão relevante para o país”, comentou o parlamentar.

Por Rafael Brais

Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo

Mais Lidas

VOENEWS - Notícias do Turismo Escritório de Negócios QNN 7 Conjunto "L" - Lote 47 - Loja 01- CEP: 72225-080 Telefone: (61) - 3202-8600 - Celulares: (61) 98117-4456 E-mail: contato@voenews.com.br

SOBRE O VOENEWS

VOENEWS – Notícias do  Turismo é de responsaabilidade da empresa: MP&F Assessoria e Consultoria em Turismo e Marketing, inscrito no CNPJ: 24.060.077/0001-15

Copyright © 2011 - VOENEWS - Notícias do Turismo

para o Topo