DESTINOS TURÍSTICOS INTERNACIONAIS

Passeios ao ar livre estão no DNA alentejano

Região portuguesa garante cenários deslumbrantes para apreciar sobre os próprios pés

Entre os itens essenciais para uma viagem ao Alentejo estão as roupas e sapatos confortáveis. Isso não é apenas porque a região portuguesa tem belos cenários naturais de campos, vinícolas e lagos, com trilhas para conhecer a pé ou de bicicleta.

O motivo é que os passeios ao ar livre são parte importante dos roteiros pelo Alentejo, seja em cenários naturais ou nas cidades e vilarejos. Os destinos alentejanos são pequenas cidades cheias de história e vilas menores ainda que esbanjam charme, separados por territórios campestres belíssimos.

Por isso, independente das atrações e atividades escolhidas pelos viajantes – visitas a museus, prova de vinhos de alguma das excelentes herdades, voos de balão sobre as lindas planícies alentejanas – é incontornável explorar os destinos da região em agradáveis passeios em seu próprio ritmo.

Por onde passear
É o caso, por exemplo, de encantadores vilarejos como Marvão, Castelo de Vide, Monsaraz e Alter do Chão. É possível percorrer todas as suas ruas de pedra caminhando, o que permite ver de perto os detalhes das construções locais, descobrir os castelos medievais e apreciar as vistas deslumbrantes dos pontos mais altos desses destinos.

Cidades um pouco maiores, como Évora, Vila Viçosa, Elvas, Beja, Portalegre e Sines, por outro lado, têm mais ruas, mais caminhos e mais possibilidades. No entanto, há muitas maravilhas reunidas em espaços pequenos: os Centros Históricos de cada um deles, com suas construções de beleza única e muito bem preservadas, como é o caso da Torre das Três Coroas, em Estremoz, que tem 27 metros de altura e é feita de mármore branco; do Templo Romano, situado em Évora, imponente edificação milenar que enfeita o coração da cidade; e do Paço Ducal de Vila Viçosa, com sua fachada inteiramente revestida de mármore.

Sendo assim, qualquer viagem pelo Alentejo é uma oportunidade para curtir ar puro em um ritmo tranquilo, apreciando belezas inesquecíveis. Depois de muito tempo sem a oportunidade de sair e passear como gostariam, caminhar pelas vilas e cidades do Alentejo pode ser a melhor pedida!

Mais perto da natureza
Para aqueles que querem aproveitar o ar puro do Alentejo mais perto da natureza, a região tem variadas trilhas para explorar, seja caminhando ou de bicicleta. São opções para todos os níveis de preparo físico, curtas ou longas, em meio aos campos e lagos do interior ou no sensacional litoral da região, intocado e com algumas das praias mais bonitas da Europa.

Entre os conjuntos de trilhas, há a excelente Rota Vicentina, que explora o Sudoeste Alentejano e permite uma série de possibilidades, como vivenciar a natureza e também a autêntica cultura local; os Caminhos de Santiago no Alentejo, com 1,4 mil quilômetros de trilhas sinalizadas que proporcionam os mais belos panoramas, tradições e patrimônios da região; as 11 trilhas do Transalentejo, que variam de 8 a 22 quilômetros nos arredores do Lago Alqueva.

Sobre o Alentejo

Considerado o destino mais genuíno de Portugal, o Alentejo é a maior região do país. Privilegiando um lifestyle tranquilo em que a experiência de viver bem dá o tom, conta com belas praias intocadas e cidades repletas de atrações ímpares, como castelos e monumentos históricos. Detentor de cinco títulos da UNESCO e diversos outros prêmios e reconhecimentos internacionais no setor do turismo, o Alentejo oferece opções para todos os tipos de viajantes, sejam famílias, casais em lua de mel ou aventureiros. A promoção turística internacional do Alentejo é co-financiada pelo Alentejo 2020, Portugal 2020 e pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER). Para mais informações, visite www.turismodoalentejo.com.br.

Mais Lidas

VOENEWS - Notícias do Turismo Escritório de Negócios QNN 7 Conjunto "L" - Lote 47 - Loja 01- CEP: 72225-080 Telefone: (61) - 3202-8600 - Celulares: (61) 98117-4456 E-mail: contato@voenews.com.br

Copyright © 2011 - VOENEWS - Notícias do Turismo

para o Topo