_Destaque

Ministro da Infraestrutura recebe 38º voo da LATAM no final da megaoperação para trazer EPIs ao Brasil

Já chegaram ao país 237 milhões de máscaras adquiridas pelo Ministério da Saúde e destinadas aos estados para combate à Covid-19

São Paulo, 17 de julho de 2020 – O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, recebeu, na noite desta quinta-feira (16), o 38º voo da LATAM trazendo carregamento de máscaras importadas pelo Governo Federal para combate à Covid-19. A aeronave pousou no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos/SP, por volta das 23h, com 4 milhões de máscaras N95, modelo mais indicado para proteger profissionais de saúde expostos ao vírus. Foi o penúltimo voo da operação especial, coordenada pelo Ministério da Infraestrutura (MInfra) em parceria com a LATAM Airlines, para viabilizar a logística e a distribuição dos equipamentos para todo o Brasil.

“É importante lembrar que havia incertezas no início da operação, com escassez de EPIs no mundo e registros de apreensão das cargas em alguns países”, disse Tarcísio de Freitas, que comemorou o sucesso da operação e a garantia do abastecimento do sistema de saúde brasileiro. Desde o dia 6 de maio, o país já recebeu 237 milhões de máscaras cirúrgicas e do tipo N95 de um total de 240 milhões de unidades adquiridas pelo Ministério da Saúde. O último voo está previsto para o próximo domingo (19).

Ao lado do CEO da LATAM Brasil, Jerome Cadier, e do presidente do GRU Airport, Gustavo Figueiredo, o ministro cumprimentou tripulantes e profissionais de terra envolvidos na megaoperação. Tarcísio de Freitas destacou o engajamento dos funcionários da LATAM e do Aeroporto de Guarulhos, que demonstraram orgulho no desempenho da missão. “Mais do que um mero frete, os pilotos e o pessoal de terra perceberam que estavam a serviço do país e deram demonstrações de amor ao Brasil no enfrentamento a essa pandemia”, afirmou Freitas.

O CEO da LATAM Brasil agradeceu e ressaltou a importância da aviação para o país. “Foi uma honra para a LATAM participar de toda essa logística especial de combate à pandemia e mais uma vez a aviação foi essencial para a sociedade brasileira. Essa parceria com o Ministério da Infraestrutura foi sem dúvida uma megaoperação inédita para o Brasil, que atravessou 11 fusos horários diferentes. Esse é o resultado de um trabalho conjunto de excelência conduzido por muitas pessoas, incluindo profissionais do Ministério da Infraestrutura e colaboradores da LATAM, entre pilotos, copilotos, despachantes operacionais, funcionários de carga, coordenadores, planejadores e supervisores”, disse Jerome Cadier.

LOGÍSTICA – O presidente da concessionária GRU Airport, terminal que recebeu todos os 38 voos, destacou a agilidade da operação para processar e liberar as cargas de EPIs. “O GRU Airport empenhou toda dedicação para realizar seu papel logístico com eficiência, rapidez e qualidade dentro da megaoperação coordenada pelo governo federal para receber esses importantes EPIs no Brasil. Estamos preparados para a retomada do setor, com todos os protocolos sanitários já inseridos em nossos processos operacionais e infraestrutura adequada para o trânsito tanto de passageiros quanto de cargas em nossas instalações”, disse Gustavo Figueiredo.

O voo JJ9557, proveniente de Guangzhou (China), aterrissou no Aeroporto Internacional de Guarulhos/SP às 23h desta quinta, após escala em Amsterdã (Holanda). As máscaras N95 foram transportadas em aeronave de passageiros Boeing-777. Além do porão da aeronave, a cabine foi adaptada para receber as 4 mil caixas do produto, que será distribuído pelo Ministério da Saúde entre as 27 unidades da federação.

Para auxiliar no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, o Ministério da Infraestrutura desenvolveu um plano de logística e distribuição, em apoio ao Ministério da Saúde e aos governos estaduais e municipais. O plano nacional abrange ações para viabilizar a chegada de 960 toneladas de máscaras importadas, articulação com órgãos governamentais que atuam nos aeroportos para prioridade no desembaraço aduaneiro e apoio na distribuição dos equipamentos nos estados. A operação será concluída com a chegada do 39º voo, prevista para domingo (19).

MÁSCARAS COMPRADAS PELO GOVERNO FEDERAL QUE CHEGARAM AO BRASIL

DATAS – QUANTIDADES

06/05 – 4.432.000 unidades
10/05 – 6.106.000 unidades
11/05 – 1.770.000 unidades
15/05 – 6.348.000 unidades
17/05 – 6.220.000 unidades
19/05 – 7.220.000 unidades
21/05 – 2.150.000 unidades – Modelo N95
22/05 – 6.568.000 unidades
24/05 – 7.156.000 unidades
26/05 – 8.492.000 unidades
28/05 – 2.851.000 unidades – Modelo N95
29/05 – 7.068.000 unidades
31/05 – 7.480.000 unidades
02/06 – 9.190.000 unidades
04/06 – 2.480.000 unidades – Modelo N95
06/06 – 7.290.000 unidades
07/06 – 7.504.000 unidades
09/06 – 8.736.000 unidades
11/06 – 3.563.200 unidades – Modelo N95
13/06 – 6.728.000 unidades
14/06 – 6.704.000 unidades
16/6 – 8.720.000 unidades
18/06 – 4.380.000 unidades – Modelo N95
20/06 – 6.904.000 unidades
22/06 – 6.958.000 unidades
24/06 – 8.988.000 unidades
26/06 – 2.897.500 unidades – Modelo N95
28/06 – 7.184.000 unidades
30/06 – 9.144.000 unidades
02/07 – 3.619.500 unidades – Modelo N95
04/07 – 8.400.000 unidades
05/07 – 3.942.000 unidades – Modelo N95
07/07 – 11.800.000 unidades (recorde)
09/07 – 3.809.000 unidades – Modelo N95
10/07 – 7.942.000 unidades
12/07 – 3.438.000 unidades – Modelo N95
14/07 – 9.150.000 unidades
16/07 – 4.000.000 unidades – Modelo N95

Sobre LATAM Airlines Group S.A

O Grupo LATAM Airlines é o principal grupo de companhias aéreas da América Latina e um dos maiores do mundo em conectividade. Oferece serviços aéreos para 145 destinos em 26 países, e está presente em seis mercados domésticos da América Latina (Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador e Peru) e mantém operações internacionais na região e para Europa, Estados Unidos, Caribe, Oceania, África e Ásia.

O Grupo LATAM Airlines tem mais de 42 mil funcionários e opera aproximadamente 1.400 voos diários e mais de 74 milhões de passageiros transportados ao ano.

Com uma frota jovem e moderna, o Grupo LATAM Airlines conta com 332 aviões, incluindo Boeing 787, Airbus A350, A321 e A320neo como os modelos mais modernos em suas categorias.

O Grupo LATAM Airlines é o único grupo de companhias aéreas da América e um dos três no mundo a ingressar no Índice de Sustentabilidade Dow Jones World, pelo sexto ano consecutivo, tendo sido reconhecido por suas práticas sustentáveis, com base em critérios econômicos, sociais e ambientais.

As ações do Grupo LATAM Airlines são negociadas na bolsa de Santiago e na bolsa de Nova York em forma de ADRs.

 

Mais Lidas

VOENEWS - Notícias do Turismo Escritório de Negócios QNN 7 Conjunto "L" - Lote 47 - Loja 01- CEP: 72225-080 Telefone: (61) - 3202-8600 - Celulares: (61) 98117-4456 E-mail: contato@voenews.com.br

Copyright © 2011 - VOENEWS - Notícias do Turismo

para o Topo