AEROPORTOS

Aeroportos da Infraero devem movimentar 1,4 milhão de passageiros durante feriado da Proclamação da República

Os 47 aeroportos da Infraero com voos regulares devem receber mais de 1,4 milhão de passageiros, entre embarques e desembarques, durante o feriado da Proclamação da República, entre os dias 13 e 18 de novembro. O número é 4,6% superior em relação ao fluxo registrado no mesmo feriado do ano passado, quando foram contabilizados 1,34 milhão de viajantes. A movimentação de aeronaves também deve crescer. São esperadas 11.294 operações de pousos e decolagens, 8% a mais que as 10.455 registradas no mesmo período de 2018.

Os dias de maior movimento devem ser quinta (14/11) e segunda-feira (18/11). A estimativa leva em conta a oferta de assentos das empresas aéreas.

Para garantir a segurança e o bem-estar dos viajantes, a Infraero adota uma série de medidas preventivas em períodos de maiores movimentações em seus terminais. Entre elas, estão o reforço do quadro de limpeza, intensificação do monitoramento de equipamentos como elevadores, bem como das equipes de segurança, operações e manutenção. Em caso de esclarecimentos dos passageiros, a empresa ainda conta com os “amarelinhos”, funcionários de colete amarelo com a frase “Posso Ajudar/May I Help You?”, e a equipe do Balcão de Informações, que estão preparados para tirar dúvidas e repassar orientações de viagem.

Crédito Divulgação Infraero_Curitiba_1

Guia do Passageiro

Informações sobre viagens, direitos e responsabilidades do passageiro e da companhia aérea podem ser conferidas no Guia do Passageiro. O material também traz explicações sobre o funcionamento do setor aéreo e dicas, como peso e devolução de bagagem, transporte de animais e produtos de origem animal e vegetal trazidos do exterior. O guia pode ser lido clicando aqui.

Mais Lidas

VOENEWS - Notícias do Turismo Escritório de Negócios QNN 7 Conjunto "L" - Lote 47 - Loja 01- CEP: 72225-080 Telefone: (61) - 3202-8600 - Celulares: (61) 98117-4456 E-mail: contato@voenews.com.br

Copyright © 2011 - VOENEWS - Notícias do Turismo

para o Topo