ÚLTIMAS NOTÍCIAS

STB tem aumento de 30% na procura por programas de viagem e trabalho no exterior

voenews

Esses intercâmbios ajudam a cobrir parte dos custos, o que tem atraído muitos brasileiros

São Paulo, junho de 2017 – Os sinais de melhora na economia têm incentivado mais e mais brasileiros a investirem em suas carreiras e aperfeiçoarem uma segunda língua em outro país. Exemplo disso é o aumento de 30% na procura por programas de viagem e trabalho no exterior que o STB – Student Travel Bureau experimentou no primeiro trimestre de 2017, em comparação ao mesmo período do ano passado.

“Esse tipo de intercâmbio ajuda a melhorar o nível de inglês e garante uma experiência de trabalho internacional, ao mesmo tempo em que ajuda a cobrir parte dos custos da viagem. Neste período de retomada econômica que temos vivido, este é um diferencial importante para os brasileiros que desejam sair do país, mas estão com o orçamento mais apertado”, explica Bruno Contrera, gestor de cursos e universidades no exterior do STB.

Os intercâmbios de viagem e trabalho incluem diversas categorias, como Au Pair, Monitor de Acampamento, Estágios, e os programas Disney Cultural Exchange Program, para universitários que desejam trabalhar na Disney em Orlando, STB Work and Travel, também para estudantes na faculdade que querem trabalhar em outros países, e Estudo com Trabalho, que inclui cursos de idioma e emprego remunerado em diversas partes do mundo.

“A faixa-etária mais interessada em programas que combinam viagem e trabalho gira entre 21 e 25 anos. Isso porque esses jovens, em geral universitários ou recém-formados, estão em busca de melhores oportunidades de carreira e enxergam a experiência em outro país como uma vantagem importante no mercado de trabalho”, acrescenta Bruno.

Países mais procurados

Entre os países mais buscados estão Estados Unidos, Canadá, Austrália e Irlanda. O destaque, nos EUA, são os programas de Au Pair, no qual os intercambistas vivem com uma família local e cuidam das crianças. Se considerarmos apenas esse tipo de programa, o aumento no primeiro trimestre foi de 15%.

O Canadá é um país que está em busca de mão de obra qualificada e tem muita abertura para a chegada de brasileiros. Além disso, tem um processo relativamente simples para conseguir o visto permanente. Já a Austrália conta com excelentes escolas de idioma, tem o dólar mais baixo que o norte-americano e salários mais altos. Outra vantagem é o clima semelhante ao do Brasil, que atrai muitos estudantes. A Irlanda, por sua vez, é o país europeu com maior facilidade de entrada para quem deseja estudar e trabalhar, por isso é bastante procurado pelos brasileiros.

“Há diversas opções de países e idiomas para escolher, por isso nós sempre conversamos com os estudantes para entender seus sonhos, objetivos e orçamento. Dessa forma podemos selecionar, juntos, a melhor opção de intercâmbio para cada um”, completa Bruno.

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Mais Lidas

VOENEWS - Notícias do Turismo - Escritório de Negócios SCLN 201 - Bloco "C" - sala 112 Brasília - DF - CEP: 70.832-530 Telefone: (61) - 3201-8602 Celulares: (61) 98117-4456 - E-mail: contato@voenews.com.br

EVENTOS DO TURISMO

NOTÍCIAS DA HOTELARIA

Copyright © 2011 - VOENEWS - Notícias do Turismo

para o Topo