AEROPORTOS

Aeroportos brasileiros vão receber 116 ambulifts para facilitar embarque de pessoas com deficiência; novidade foi anunciada hoje (28.11) durante reunião da Conaero em Brasília

VOENEWS

Segmento de ground handling mais uma vez participou do encontro da Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias. Também foram definidos os aeroportos brasileiros candidatos a receber autorização para voos internacionais

Os aeroportos brasileiros vão receber  116 do Governo novos ambulifts, equipamentos usados para permitir o embarque de pessoas com deficiência. O anúncio foi feito hoje (28.11) durante a reunião da Conaero (Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias). O segmento de ground handling, representado pela Abesata (Associação Brasileira das Empresas de Serviços Auxiliares de Transporte Aéreo) comemorou a novidade. “Ficamos muito contentes em saber que os equipamentos serão cedidos às administrações aeroportuárias, pois serão fundamentais para que nós, responsáveis pelos serviços em solo, possamos garantir o embarque e o conforto de todos”, disse Ricardo Aparecido Miguel, presidente da Abesata.

Além disso, a 25.a reunião da Conaero aprovou a relação de aeroportos brasileiros candidatos a receber voos internacionais.  Ao todo são 44 aeroportos agora habilitados para receber voos regulares, agendados ou alternados. Os detalhes operacionais, restrições e horários serão definidos em comum acordo com os órgãos e entidades públicas que devem funcionar naquele aeroporto.

Durante a reunião da Conaero em Brasília também foram apresentados os preparativos para a Copa América de 2019, que acontecerá no Brasil, entre os dias 14 de junho e 7 de julho do próximo ano. Haverá jogos em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte e Salvador.

“É fundamental que nós do segmento de ground handling estejamos aqui, onde são tomadas as decisões que definem os rumos da aviação brasileira, pois não só podemos contribuir para o sucesso das operações, como também preparar nossos associados para que garantam a melhor performance possível”, disse o presidente da Abesata, Ricardo Miguel.

Em todo Brasil, existem hoje 122 ESATAs (empresas especializadas em serviços auxiliares do transporte aéreo) representando uma força de trabalho de 38.000 pessoas diretas. Em todo mundo, 50% dos serviços auxiliares do transporte aéreo são realizados por empresas especializadas. No Brasil, ainda estamos em 30%. Mais informações em www.abesata.org

Mais Lidas

VOENEWS - Notícias do Turismo - Escritório de Negócios SCLN 201 - Bloco "C" - sala 112 Brasília - DF - CEP: 70.832-530 Telefone: (61) - 3201-8602 Celulares: (61) 98117-4456 - E-mail: contato@voenews.com.br

EVENTOS DO TURISMO

NOTÍCIAS DA HOTELARIA

Copyright © 2011 - VOENEWS - Notícias do Turismo

para o Topo