Cias Aéreas

Lufthansa no caminho de sucesso da modernização

voenews

– Companhia apresentou o melhor resultado da história na Reunião Geral Anual

– Os acionistas devem lucrar com dividendos 60% maiores

“O Grupo Lufthansa se tornou mais moderno, significativamente mais eficiente e mais rentável em todas as áreas”, disse Carsten Spohr, Chairman do Conselho Executivo da Deutsche Lufthansa AG. “Todos foram beneficiados pela modernização. Nossos clientes, nossos colaboradores e nossos acionistas.”

Acionistas vão participar de resultado recorde

O Conselho Executivo e o Conselho Fiscal da Deutsche Lufthansa AG propuseram um dividendo de 0,80 euros por ação na Reunião Geral Anual. Isso corresponde a um aumento de 60% nos dividendos se comparado com o ano anterior e vai ser o segundo maior dividendo pago desde a privatização da companhia. Com base no preço de fechamento do final do ano de 2017, o lucro do dividendo chegaria a 2,6%. Os dividendos vão permitir que os acionistas participem de um resultado recorde para 2017. Além disso, o preço das ações da Lufthansa subiu 150% em 2017.

O faturamento do Grupo Lufthansa aumentou 12,4% para 35,6 bilhões de euros em 2017. O EBIT ajustado também aumentou cerca de 70% para algo em torno de 3 bilhões de euros e uma margem de 8,4% foi atingida. Além da elevada demanda e uma tendência positiva de preços, a base para este crescimento na rentabilidade foi, graças ao sucesso uma vez mais na redução dos custos unitários, mais 1,8% por cento, após a exclusão de efeitos únicos.  Apesar dos investimentos crescentes, o fluxo de caixa praticamente dobrou, chegando a 2,3 bilhões de euros.

“2017 foi o mais bem sucedido ano da história da Lufthansa, e a terceira vez consecutiva em que apresentamos resultados recordes. De longe, atingimos o melhor resultado de todo os tempos”, disse Carsten Spohr.

Grupo Lufthansa segue no caminho da modernização 

O Grupo Lufthansa se mantém firme em três pilares: as companhias aéreas em rede, o Grupo Eurowings e os serviços de aviação. As companhias aéreas Lufthansa, SWISS e Austrian Airlines continuam a investir em qualidade e digitalização. Contudo, o foco segue em mais redução de custos. Entre outras coisas, a contínua modernização da frota também tem contribuído, já que os custos operacionais das novas aeronaves são cerca de 20% mais baixos.

A Eurowings continua a focar consistentemente no crescimento sustentável, se mantendo na posição de liderança do grupo em transporte ponto a ponto nos mercados domésticos. Os serviços de aviação contribuíram com mais de 700 milhões de euros para o positivo resultado do grupo.

“Nós vamos continuar equilibrando os interesses dos nossos clientes, colaboradores e acionistas para garantir um sucesso sustentável. Os tópicos daqui em diante seguem os mesmos: aumentar a qualidade, reduzir os custos e elevar a eficiência”, disse Carsten Spohr.

3 Comentário

Mais Lidas

VOENEWS - Notícias do Turismo - Escritório de Negócios SCLN 201 - Bloco "C" - sala 112 Brasília - DF - CEP: 70.832-530 Telefone: (61) - 3201-8602 Celulares: (61) 98117-4456 - E-mail: contato@voenews.com.br

EVENTOS DO TURISMO

NOTÍCIAS DA HOTELARIA

Copyright © 2011 - VOENEWS - Notícias do Turismo

para o Topo